NOTÍCIA

O Campeonato Baiano de 1917

O Campeonato Baiano de 1917 foi a décima terceira edição da história.
O Esporte Clube Ypiranga não disputou o Baiano de 1916 devido algumas causas que levaram o seu afastamento dando lugar ao Sport Club República que teve como reforço os jogadores do Ypiranga, com isso sagrando-se campeão.
O Ypiranga, o popular auri-negro, voltou ao seio da Liga em 17 de março de 1917, uma vez que cessaram as causas que motivaram o seu afastamento. Os jogos do campeonato foram realizados no Rio Vermelho. Tiveram início no dia 15 de abril e terminou em 18 de novembro. O primeiro título. Mas vale dizer que foi categórico. Em um campeonato com seis times disputando o título em pontos corridos, o Ypiranga venceu oito e empatou apenas dois (contra Fluminense de Salvador e Internacional). O seu gol foi vazado uma única vez e assim mesmo de pênalti, cobrado por Liberato, no jogo contra o Botafogo. A vice colocação ficou com o Fluminense de Salvador.
Seu jogador Braguinha foi novamente o artilheiro da competição com 5 gols. O time era formado pelos jogadores: Nova, Péricles e Bahia; Lelé, Constâncio e Turíbio; A. Coelho, Aloísio, Oscar Nova, Artur Silva e Américo Piedade. Suplentes: Orlando Mello, Aloísio Silva e Climério Prazeres.